quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

É A MINHA VEZ!

.



Em jeito de carta aberta, António Pascoalinho fala sobre esta nova etapa na sua vida nas noites quizísticas de Lisboa. Damos-lhe a palavra:

"Mais vale fazer quizzes interessantes e didácticos do que encher a noite lisboeta de perguntas sobre o 1º ministro das Ilhas Fiji. Por isso, mais valeu esperar por uma proposta num sítio interessante, calmo e divertido. O Júlio é o grande guru desta brincadeira e eu tenho a sorte de receber elogios pelo meu estilo de quiz. Portanto, a união dos dois é sucesso garantido. Começámos na passada 5ª feira, 8 e vamos estar todas as 5as. No MAGIC POOL BAR, na Rua Augusto Gil, 30-A, à Avenida de Roma, por entre snookers, dardos e muito bom ambiente.Não faço ”quizzes Wikipedia” e teimo em associar os factores dedução e diversão a muitas das minhas perguntas. A 3ª e a 5ª feira são dias perfeitamente compatíveis entre o Lizarran e o Magic Bar. Os campeonatos de cascata são só uma vez por mês, por isso não interferem nesta brincadeira, muito mais simples e menos competitiva.



António Pascoalinho"

.

13 comentários:

  1. O que é um Quiz Wikipedia? (fui ver à Wikipedia e não está lá...)

    Agora (mais) a sério. O que é?

    ResponderEliminar
  2. já agora tb fiquei curioso. os do lizarran serão? ou só os do magiq num são?



    Chico esperto

    ResponderEliminar
  3. Eu é que sou o anónimo, os outros têm nome (eu pelo menos chamei-lhes nomes).

    ResponderEliminar
  4. Calma, calma, eu acho que poderá haver aqui confusão.

    Confesso que pesquisei na wikipedia sobre o Pascoalinho e o resultado foi este:

    "Nenhum título de página coincide com o termo pesquisado

    Não existe nenhuma página com esse título.

    Será que quis dizer: pascoalito".

    Wikipédico que sou, fui ver sobre esse tal Pascoalito e eis o que obtive:

    Pascoalito
    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    Uruguaio de Rivera, Pascoalito foi Campeão Gaúcho de 1925 pelo Bagé, e artilheiro da competição naquele ano[1]. Era considerado, inclusive pelos jogadores daquela equipe, o grande nome do time[2] e um dos maiores atletas do futebol bajeense em todos os tempos."

    Sobre o Pascoalinho não sei, mas visto isto, confesso que ficaria na expectativa face a um quiz organizado por uma figura de referência do futebol bajeense...

    ResponderEliminar
  5. Jimmy, seu Wikipédico, és aborrecido e péssimo nas deduções.

    Se fosses estudar um bocadinho a Britannica fazias melhor figura!

    ResponderEliminar
  6. Apoiado!
    Já estava farta de quizes aborrecidos onde não se aprendia nada!

    Salvé Pascoalito! Benvindo sejas ó Messias!

    ResponderEliminar
  7. Rachel Marsden15/1/09 12:05

    Apoiado!
    Já estava farta de quizes aborrecidos onde não se aprendia nada!

    Salvé Pascoalito! Benvindo sejas ó Messias!

    (agora sim)

    ResponderEliminar
  8. Olá Tó

    Para além de deixar os desejos de êxito na realização, aprovo a quatro mão a opção de "não-wikipedia". Quem sabe, sabe! Preferencialmente confirmam-se as dúvidas no velhos calhamaços e fazem-se quizes minimamente interessantes intelectualmente.

    Quanto às quintas-feiras, estamos conversados: não tenho rolinhos no cabelo, não atiro bombas aos árabes, e, portanto, não mereço auschwitz. Na câmara de gás, não!

    Acabe-se a fumarada e lá estarei para a diversão.

    Zé Pedro

    ResponderEliminar
  9. Estou a ficar exaurida. O que é uma pergunda wikipédia? Uma capital é? Um filme? um recorde do guiness?
    E o que não é? Uma figura da BD? O nome do meio do Bush?

    Alguem me explica ou tenho que pintar o cabelo????

    Elisete Lalande

    ResponderEliminar
  10. Exemplo de dados utilizáveis em pergunta "wiki+edia":

    "O nome Portugal apareceu entre os anos 930 a 950 da Era Cristã, sendo no final do século X que o nome começou a usar-se com mais frequência. Fernando Magno denominou oficialmente o território de Portugal, quando em 1067 o deu ao seu filho D. Garcia, que se intitulou rei do mesmo nome.[15]

    No século V, durante o reinado dos Suevos, Idácio de Chaves já escrevia sobre um local chamado Portucale, para onde fugiu Requiário"

    ResponderEliminar
  11. Zé Pedro, antes de esses dados serem Wikipedicos já tinham sido publicados sob a forma dos teus apreciados calhamaços (Sousa, Manuel. Reis e Rainhas de Portugal. Mem Martins: SporPress, 2000. 23 p. ISBN 972-97256-9-1).
    O que queres provar, hum?

    ResponderEliminar
  12. Alcides:

    Está bem, explico o abc.

    É certo que alguém foi a um calhamaço, retirou a informação - à sua maneira - e decidiu publicá-la na wikipedia. Ninguém o contesta.

    Do que não gosto é das perguntas que poderão formular-se a partir daquela informação, e que costumam ser opção de quem procura apenas encher chouriços, sem se preocupar se estão correctas ou, até, se nem como curiosidades poderão ser classificadas.

    Por exemplo, perguntar "Quem era o filho de Fernando Magno a quem este doou o território de Portugal, em 1067?", será formular uma pergunta wikipedia, evidentemente com um elemento errado, pois Fernando Magno morreu em 1065, e o seu filho, Garcia, herdou o reino da galiza e Portugal nessa data, e não em 1067.

    Quem, ainda que podendo utilizar a wikipedia, não se limita a chapar o que lá está pespegado e consegue fugir às incorrecções, imprecisões e erros - alguns grosseiros - que por ali grassam, dificilmente será catalogado como autor de quizes wikipedia.

    Entendido?

    Comandante

    ResponderEliminar
  13. Todo o conhecimento carece de verificação. Por isso, fazer da Wikipedia a base única e exclusiva para um quiz parece-me má ideia, mas também me pareceria má ideia se fosse o uso exclusivo da Britannica ou um calhamaço qualquer. Usar uma só fonte é sempre escasso, especialmente quando se trata de conhecimento enciclopédico.

    Agora, utilizar a wikipedia como fonte, em conjunto com outros meios, não me parece nada herético. Aliás, pode até ser um bom contrapeso para quem tenha maior proximidade com um conhecimento, digamos mais clássico e queira explorar novas áreas...

    Os calhamaços são de facto bons amigos do conhecimento, mas os novos meios, ainda que sejam amigos mais recentes, não tornam necessariamente o que quer que seja menos intelectual.

    A intolerância, essa sim, nunca foi amiga de ninguém. Bons quizzes a todos, venham eles de onde vierem.

    ResponderEliminar

Mostra o SunTzu que vive em ti e comenta com garra.